BISPO BRUNO TOMMASI: “MEDJUGORJE É UM ESTÍMULO PARA A RENOVAÇÃO DA IGREJA !!!”

Tempo de leitura: 2 minutos

Bispo Bruno Tommasi em Medjugorje em 2005

Monsenhor Bruno Tommasi, arcebispo emérito da arquidiocese de Lucca (Itália) veio, pela segunda vez, em peregrinação privada a Medjugorje em setembro de 2005 em ocasião da festa da natividade de Maria. Monsenhor Tommasi foi ordenado sacerdote em 1958 e bispo em 1983. Foi responsável pelas dioceses de Pontremoli, Apuania, Massa Carrara-Pontremoli e Lucca. Tornou-se emérito em janeiro de 2005 aos 75 anos.

“Fazem muitos anos que conheci um sacerdote e alguns leigos que estiveram em Medjugorje e foram transformados interiormente, convertidos. Isto me chocou. Se um lugar tem o poder de transformar, converter as pessoas, significa que é um lugar de graças. No ano passado tive a possibilidade de vir aqui juntamente com dois sacerdotes que me acompanham também neste ano. Então tive a oportunidade de conhecer Marija e neste ano encontrei-me com Vicka.

Também se por enquanto não existe uma posição oficial da autoridade da Igreja sobre a autenticidade destas aparições, graças ao meu encontro com estas pessoas, eu estou convencido de que não mentem, são sinceras e tem uma verdadeira experiência da graça.

As aparições já duram 24 anos (em 2005). Acredito que isto é um acontecimento excepcional. Me recordo que uma vez foi feita uma pergunta para Nossa Senhora sobre isto e Ela respondeu: “Vocês já estão cansados de Mim ?”. Estas aparições são diferentes das de Lourdes e Fátima ou outras. Veremos no final….

Para as pessoas que me perguntam sobre Medjugorje eu digo que este é um lugar de oração, um lugar no qual as pessoas se convertem. Para o restante aguardemos que a autoridade eclesiástica responsável emita o seu parecer. Penso que Medjugorje tornou-se um santuário. Aqui eu não vejo nenhum comportamento que possa ser contrário à fé. Aqui é um caminho de fé, de oração, de penitência. A escolha da Santíssima Virgem de aparecer aqui, durante o período do governo comunista é um acontecimento especial. É verdadeiramente oportuno que tenha aparecido aqui e não em outros lugares onde reina a liberdade.

Penso que de Medjugorje se possa falar como um estímulo para o renovamento da Igreja. Um renovamento que vem de baixo, através da mudança das pessoas.

Acredito que o fato de que tantas pessoas aqui se confessam seja muito positivo. Nos países ocidentais muitos falam, mas poucos se confessam. Pode-se dizer que o sentimento do pecado foi perdido e portanto também a necessidade de ir confessar-se.

Devemos acolher com fé as mensagens da Gospa (Nossa Senhora de Medjugorje)”.

Traduzido do italiano por Gabriel Paulino – fundador do Portal Medjugorje Brasil – www.medjugorjebrasil.com.br

Matéria original: http://medjugorjetuttiigiorni.blogspot.com.br/2017/08/medjugorje-uno-stimolo-per-il.html

Fonte:http://www.medjugorjeassisi.it/storia.htm

 

1 comentário


  1. É muito positivo, que entidades religiosas, sejam quais forem suas crenças, nomeadamente sendo de pessoas já com certa idade, venham a dar uma resposta humilde, mas ao mesmo tempo muito concreta acerca das Aparições e sobretudo das curas impossíveis. Houve um parágrafo que discordei. Nem em toda a parte há liberdade de expressão e toda gente sabe disso. Não vou nomear os países, que estão sob duras tutelas. Por outro lado, a igreja tem de mudar e, por isso, Papa Francisco tem lutado e remado contra certas marés. Como disse em mina página, quem abraça uma Cruz Vermelha, AMI, Médicos Sem Fronteiras, etc, os voluntários, as Instituições Solidárias e ainda quem se quer dedicar ao apostolado, que para mim se consubstancia nas missões africanas e não só, terão de ser pessoas muito especiais. Espero que possam dirigir-se a Medjugorje e mto breve haja outra rede de ligações por Companhias Aéreas.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *