Vicka: Não devemos ter medo da morte !

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

vvickarezando

Entrevista com a vidente Vicka Ivankovic – junho 2001

As aparições continuam. Nunca pensou que durassem tanto ?

Não, não sou eu quem decido. Mas é um dom muito grande, a Sua presença… que Nossa Senhora esteja ainda fisicamente entre nós. Quanto Ela nos quer bem ! Veja o quanto está próxima de nós ! É generosa conosco: é mesmo a Mamãe, e quanto ama os Seus filhos.

Quem são os Seus filhos ? Nossa Senhora escolheu vocês seis…

Todos somos Seus filhos. Nossa Senhora escolheu nós seis, mas para falar à paróquia e para todos.

Porque Maria escolheu uma paróquia ?

A nossa é uma paróquia na Igreja e da Igreja: pertence a todos aqueles fiéis que querem escutar e seguir as mensagens de Nossa Senhora.

Portanto, através da paróquia de Medjugorje Maria coloca a Sua atenção sobre toda a Igreja ?

Certo. Ela deseja nos ensinar o que é a Igreja e como a Igreja deve ser. Fazemos tantas discussões sobre a Igreja: porque existe, o que é, o que não é. Maria nos recorda que nós somos a Igreja: não os edifícios, não os muros, não as obras de arte. Nos recorda que cada um de nós é parte da Igreja e tem Nela responsabilidade: cada um de nós, não somente os sacerdotes, os bispos e os cardeais. Comecemos nós a sermos Igreja, isto cabe a nós, e depois rezemos por eles.

A nós católicos é pedido que rezemos pelas intenções do Papa, que é o chefe da Igreja. Maria nunca falou dele ?

Nós devemos rezar por ele. E Nossa Senhora em mais de uma ocasião dedicou Suas mensagens a ele. Uma vez disse que o Papa deve se sentir pai de todos os homens sobre a terra, não somente dos católicos. Ele é pai de todos e necessita muito de orações; e Maria pede que nós nos lembremos dele em nossas orações.

Nossa Senhora apresentou-se aqui como a Rainha da Paz. Para você o que é a verdadeira paz, a verdadeira alegria e a verdadeira felicidade interior ?

A esta pergunta não se pode responder apenas com palavras. Receba a paz: é algo que habita no coração, que preenche você, mas que não é explicável com argumentos; é um dom maravilhoso que vem de Deus e de Maria que é cheia de graça e que neste sentido é Rainha e o mesmo vale para os outros dons celestiais.

E direi que eu darei tudo para transmitir a você e aos outros a paz e os outros dons que Nossa Senhora me dá… Asseguro a você – Nossa Senhora é minha testemunha – que desejo com todo o meu ser que através de mim também outros recebam a mesma graça e que depois façam de si instrumentos e testemunhas.

Mas da paz não se pode falar tanto porque a paz se deve e se pode sobretudo viver dentro do nosso coração.

No fim do ano 2000 tantos esperavam o final dos tempos,mas estamos ainda aqui para contar história… o título de nosso livro agrada a você ou devemos ter medo de alguma catástrofe iminente ?

O título é belíssimo. Maria vem sempre como uma aurora quando decidimos colocá-La em nossa vida.

Sobre o medo: Nossa Senhora nunca me falou de medo; mas, quando Ela fala te dá uma tal esperança, te dá uma tal alegria. Nunca disse que nós estamos no fim do mundo; ao contrário, também quando nos alerta encontra uma maneira de nos confortar, de nos dar coragem. E assim eu penso que não existe motivo para ter medo ou preocupação.

Marija e Mirjana contam que Nossa Senhora algumas vezes chora. O que A faz sofrer ?
Estamos passando um momento muito difícil para tantos jovens e tantas família, que vivem no maior sofrimento. Acredito que a maior preocupação de Nossa Senhora seja por eles. Tudo o que Ela faz é pedir que A ajudemos com o nosso amor e rezando com o coração.

Na Itália uma garota chegou a esfaquear a sua mãe até a morte: pode ser que Nossa Senhora apareça também para ajudar a recuperar em nossa sociedade a figura da Mãe ?

Quando Nossa Senhora se dirige a nós nos chama sempre de “queridos filhos”. E o Seu primeiro ensinamento é o da oração. Maria velava a Jesus e Sua família através da oração, como está escrito no Evangelho. Para ser uma família é necessário rezar. Sem a oração se rompe a unidade. Tantas vezes Nossa Senhora recomenda: “Vocês devem estar unidos na oração, devem rezar em casa”. E não como fazemos nós agora em Medjugorje que estamos “treinados” e rezamos talvez por uma, duas, três horas: bastariam dez minutos, mas estando juntos, em comunhão.

Bastam dez minutos ?

Sim, no princípio sim, mas gratuitamente oferecidos. Se é assim, logo cresceremos pouco a pouco seguindo uma exigência interior.

Você tem outras indicações para comentar sobre a família ?

Sim, por exemplo é necessário ter um tempo na mesa. As famílias devem ter momentos privados no qual os pais estão para os filhos e os filhos para os pais para que se possa construir uma atmosfera de diálogo. Quantas vezes ao contrário se chega a dar dinheiro aos filhos, talvez tanto, porque não se é capaz de demonstrar a eles o próprio afeto ou porque não se sabe o que dizer a eles ? Mas Nossa Senhora disse que o amor não se pode comprar, é necessário doá-lo, e quando o seu filho volta para casa é necessário acolhê-lo com alegria, fazê-lo sentir aguardado e bem-vindo.

Quais são as outras intenções queridas de Nossa Senhora ?

Ela pede orações pela Igreja, pelos sacerdotes e pelos consagrados. Existe falta de vocações e muitas vezes Ela enfatizou também isto.

Quais as orações Ela nos pede ? Quais são os primeiros passos no caminho da santidade ?

Todas as orações feitas com o coração são queridas a Deus e a Nossa Senhora. Ela nos recomenda sempre o Rosário, que entre todas as orações e a que mais Lhe agrada.

Mais o Rosário não é um pouco repetitivo ?

Muitos dizem que as orações como o Rosário são repetitivas, mas não se tornam repetitivas entre tantas outas coisas que em realidade são como: cozinhar, comer, dormir… conversar com os amigos… é uma questão de coração. Quando colocarmos o nosso coração veremos o quão belo é o Rosário porque então saberemos dialogar, fazer festa com Maria.

Tantas vezes Nossa Senhora nos fez notar que, para rezar todos os mistérios o fazemos somente com palavras, sem qualidade e nem profundidade. Assim, em algumas ocasiões, nos pediu de rezarmos uma só Ave Maria, mas com participação. E se disse mais contente por aquela única Ave-Maria na qual prestamos atenção ao significado de cada palavra  para a nossa vida. Então começamos a crescer pouco a pouco na oração.

Depois Nossa Senhora nos convidou a refletir sobre como fazemos quando cultivamos as flores: se em um vaso colocamos somente duas gotas de água todos os dias, nascerá uma bela rosa… O mesmo vale para o nosso coração: se a cada dia nós colocamos duas orações com atenção, ele se desenvolverá e crescerá como uma rosa, mas se esquecemos acabará por murchar e, então, não existirá mais. Quantas vezes, quando chega o momento da oração, nos deixamos vencer pelo cansaço e desistimos e, assim fazendo não damos à rosa a água que necessite. Como uma flor não pode viver sem água, assim nós não podemos viver sem a Graça de Deus; e a oração com o coração não se pode aprender na mesa, não se pode aprender lendo, mas somente fazendo, dia a dia dando um passo adiante.

Maria pediu a você para rezar pelos religiosos. Faltam vocações, mas também as igrejas estão frequentemente vazias…

Também os sacerdotes e consagrados, como todos na Igreja, tem a sua parte de responsabilidade. Se as igrejas estão vazias os sacerdotes devem perguntar a razão: “porque os meus paroquianos não me escutam ? Estou talvez errando ? Devo mudar a minha vida ?” Não posso ignorar nada e ficar tranquilo. Ao contrário, deve-se colocar diante de Deus, em oração: “Meu Pai, o que não está certo ? Como posso dar um bom exemplo ?”. E diante de Deus, em oração é que se renova a nossa vocação.

Falamos daqueles que creem; o que você deseja dizer àqueles que colocam sua confiança apenas na razão ?

Sem Deus não se vai a nenhuma parte, ou melhor, não vamos aonde devemos ir. E, por consequência, sem a oração não se pode fazer nada. A oração deve ser colocada em primeiro lugar, é o sal para tudo aquilo que fazemos, todo o resto deve vir depois.

Se você devesse dar argumentos àqueles que nunca estiveram em Medjugorje sobre a veracidade das aparições, o que você gostaria de dizer-lhes ?

Para aquele que pergunta sobre Medjugorje, responda de todo o coração com aquilo que você vive. Se você vem aqui acredita; se não acredita ou vai para trás como se apoisasse em uma desculpa porque tem medo de mudar a sua vida e de viver tudo aquilo que te é pedido. Porque aqui cada um se dá conta de que acolher as mensagens significa entrar totalmente no jogo . Não fui eu quem disse isso, quem disse foi Nossa Senhora.

Mas você, então, diga àquele que te pergunta que não tenha medo de mudar a sua vida, porque Nossa Senhora te ama infinitamente e espera que cada Seu filho volte para Ela, que se aproxime Dela, para poder demonstrar o quanto lhe quer bem. Mas Ela dirá também que espera que esta pessoa escolha, porque Deus nos deixa livres e assim também Nossa Senhora. Deus não te obriga nunca dizendo: “Você agora faça isto, agora faça aquilo”, ou “veja, Sou Eu, agora acredite”. Não, não ! Somos todos livres e Ele nos respeita muitíssimo. Veja nós estamos falando Dele e quem nos segue pode acreditar ou não acreditar; este é a sua parte.

E qual a sua parte ?

É dizer a verdade. Dizer aquilo que Nossa Senhora diz.

Entre outras coisas, Maria te ditou a Sua vida; porque Ela o fez ?

Ela me contou a sua vida terrena desde quando nasceu até quando foi para o Céu. Preenchi três cadernos que, quando Ela permitir, um dia serão divulgados: não sei ainda quando, mas está tudo pronto. Não posso antecipar nada, mas acredito que seja importante ressaltar como também na vida de Nossa Senhora está a marca da normalidade. Ela viveu santamente uma vida norma, fiel no dia-a-dia ao desígnio de Deus.

O que Deus promete para aqueles que vivem santamente ?

O Paraíso.

Você e Jakov estiveram com o corpo no Paraíso. Portanto ele existe ?

É certo que existe o Paraíso. E nós estivemos lá, eu e Jakov. Maria nos pegou pela mão e nos levou a vê-lo junto com o Purgatório e o Inferno. Estávamos na casa de Jakov, a tarde, em um horário diferente da aparição: Nossa Senhora apareceu e nos disse: “agora venham comigo ver o Paraíso, o Purgatório e o Inferno”. Ao que Jakov, que pensava que íamos morrer, chora e diz: “Por favor Nossa Senhora, leve só a Vicka porque eu sou filho único e Vicka tem mais irmãos e irmãs”. Mas Nossa Senhora nos acalmou, enquanto eu me perguntava quanto tempo demoraria… E ao contrário, em um segundo já estávamos lá, e logo naquele momento o teto da casa de Jakov abriu e depois fechou apenas para nos deixar passar.

O que vocês viram ?

Uma luz que não existe sobre a Terra e que ilumina um grande espaço povoado de pessoas muito parecidas, ne magras nem gordas, vestidos com roupas cinza, amarela e vermelha, que se movem e cantam e rezam juntos acompanhados de anjos que voavam… E Nossa Senhora nos disse: “Olhem o quanto são felizes as pessoas que estão aqui no Paraíso”.

No Purgatório, ao contrário, tudo estava coberto de uma névoa fina: não se viam as pessoas mas se ouvia os seus sofrimentos. E Nossa Senhora nos explicou: “As pessoas que se encontram aqui esperam as nossas orações para irem ao Paraíso”.

No Inferno vimos um grande fogo e depois pessoas que entravam nele normais e que saiam transformadas em diversos animais. Ouviam-se blasfêmias. E Nossa Senhora nos disse: “Vejam, as pessoas que estão aqui vieram pela sua própria vontade. Mas aqueles que vivem sobre a Terra e fazem tudo contra Deus já vivem o Inferno que continuará depois da morte”.

Depois Nossa Senhora disse: “Aqueles que pensam que com a morte acaba tudo fazem um grande erro, porque a terra é só um lugar de passagem”.

Portanto não devemos ter medo da morte ?

Não. Absolutamente não.

De resto, muitas pessoas dizem que conseguem se comunicar com os mortos…

Não quero julgar, mas para mim é parece algo forçado. Deve sair da sua cabeça. Se você quer bem a uma pessoa querida que te faz falta ? Reza por ela e pela sua alma.

Se existe o Inferno, também Satanás existe.

Não sei quantas vezes Nossa Senhora nos convidou a vigiar porque satanás sempre se insinua para perturbar a nossa paz, a nossa oração, a nossa família. Ela recomenda que tenhamos sempre conosco, contra satanás, um pequeno objeto, uma imagem, uma cruz benta; e enfatizou que o Rosário é o obstáculo mais forte.

No nosso tempo parece que satanás se esconde; também alguns teólogos negam a sua existência…

Mas certo, com o resultado que os homens não vigiam mais e deixam todas as portas abertas. Correria, consumismo, televisão e tantas outras péssimas distrações que nos distanciam de Deus, nos levam para longe Dele e como resultado o inimigo pode nos usar. É necessário rezar muito. Mas não somente em momentos de necessidade; todos os dias, assim que com isto iremos aprender a rezar melhor. E repito, não é necessário grandes coisas, basta que pela manhã você se lembre de Deus: “Pai, nesta manhã eu acordo e te agradeço”… São suficientes duas palavras, e Ele fica contente; e você também.

E depois acrescente uma oração, uma Ave Maria, mas rezada com o coração. Portanto vá ao trabalho, mas recorde-se um pouco de Deus e se tem oportunidade faça alguma obra boa, visite algum doente, ajude algum pobre. Que nunca falte o sorriso em teus lábios: oração e obras boas andam sempre juntas. Assim você sentirá de verdade que coisas pequenas são grandes coisas.

Às vezes estamos bloqueados pela nossa fragilidade, pelo nosso pecado, é como se nós não nos sentissimos dignos de estarmos diante de Nossa Senhora; não devemos nos escandalizar dos nossos limites ?

Não, não, somos todos pessoas humanas, cheios de defeitos. Se um de nós hoje cai deve levantar-se, mas certo que deve também aprender alguma coisa desta experiência e perguntar-se porque caiu.

Nos disseram que não se pode participar da aparição contigo…

Não que eu não queira. No passado sempre esteve alguém comigo durante a aparição. É um desejo de Nossa Senhora que eu naquele momento esteja sozinha com Ela. Mas amanhã, quem sabe, talvez na próxima vez que nos vermos.

Como seria a sua vida sem esta doce entrada de Maria ?

Nunca pensei em como seria, porque estou muito presa a pensar como é a minha vida agora. E minha vida é belíssima; não encontro palavras para agradecê-La pelos imensos dons que  me fez, mas estou feliz de poder ser um instrumento. Não existe uma coisa maior, mais bela do que colaborar com Nossa Senhora.

Você não está cansada de toda a curiosidade que existe em torno de você, de todos estes peregrinos que todo dia aparecem de repente, dos jornalistas que aparecem pelas janelas ?

Mas não, de verdade, não é nada. Eu acredito que tudo aquilo que fazemos com amor e com alegria não cansa nunca.

Você fala frequentemente do amor e que nos fez ver o Paraíso como um lugar de luz e de alegria, Mas para chegarmos lá a vida é carregada de sofrimentos e dores. É um mistério dentro do qual porém, nós encontramos Jesus que aceitou a Cruz. Nos ajude de seu modo a compreender que ligação existe entre a dor e a promessa de alegria, de felicidade que vem de dentro ?

Se você aceita um sofrimento com alegria, é já uma alegria; eu não vejo diferença entre quando estou sofrendo e quando não; para mim é igual. Não está convencida ? Asseguro a você que é assim: o sofrimento pode ser uma grande alegria para a sua vida. Depende de nós, de como estamos prontos a acolher também este dom.

Você tem alguma missão particular confiada por Maria ? E aos outros videntes ?

Sim, em particular eu rezo pelos doentes. Marija reza pelos sacerdotes e consagrados, Mirjana pelos que ainda não conheceram o amor de Deus, Ivan pelos jovens. Ivanka e Jakov pelas famílias…

Você não foi para uma ordem religiosa. Posso perguntar porque ?

Não tive uma consagração particular e Nossa Senhora me deixou livre.

Se as aparições tivessem que acabar também para você, você se sentiria mal ?

Seguramente que sofreria da falta, depois de tantos anos, mas antes de tudo devo agradecer a Nossa Senhora pelos imensos dons, por todo este tempo que me deu. Não deverei pensar em mim mesma, em como me sentirei, mas pensar que, se Ela escolheu assim, seguramente fará para o meu bem. A única coisa que devo me preocupar é aceitar os Seus designios com todo o coração, para que Ela faça comigo aquilo que responde aos Seus projetos.

Você se sente uma pessoa especial ?

Eu me sinto uma pessoa normal, como você. Não sou mais valente, nem maior, nem em um nível mais alto porque Ela me aparece. Sou afortunada sim, mas sou uma mulher com as outras e devo viver aquilo que eu recebo com tanta humildade, porque Deus mesmo, quando se manifesta e nos dá alguns presentes como aqui em Medjugorje, o faz com grande humildade e simplicidade.

Os seus familiares nunca ficam com inveja deste seu relacionamento com Maria ?

Os meus familiares sempre me apoiam. Estamos bem. Entenderam que hoje me veem, amanhã talvez não, mas tudo é vivido com serenidade.

A inveja não são ouvidas, fazem parte daquele estado de espírito que não vem de Deus.

Eles nunca duvidaram que as aparições fossem invenção sua ?

Não quando viram. Mas no primeiro momento, quando Mirjana e Ivanka me disseram que era Nossa Senhora, eu pensei que elas estavam fora de si, que fosse impossível que fosse Ela verdadeiramente ali, Mas depois Eu também A vi; e naquele ponto você pode fechar os olhos e abrir mas Ela está ali, é sempre a mesma, você a vê como eu a vejo e você me vê. E do mesmo modo se fala com Ela como entre as pessoas vivas; você pergunta e Ela responde, Ela pergunta e você responde… Nossa Senhora é uma pessoa viva, não pode ser imaginação, assim como você não é.

Porque Ela escolheu justamente vocês ?

Perguntamos a Ela e nos respondeu simplesmente que era a vontade de Deus. Para Ivan disse que nos escolheu porque não éramos nem melhores, nem piores do que os outros…

O cristianismo existe a dois mil anos. Mas muitos hoje nem mesmo o conhecem e muitos outros viveram antes de Cristo. Eles podem também esperar pelo Paraíso ?

Sim, existe lugar para todos, não é problema. É Deus quem decide. Mas nós temos uma responsabilidade maior, porque vimos Jesus, O conhecemos. Direi a você de não se preocupar tanto com os outros, porque é primeiramente nós mesmos que deveremos responder.

La Salette, Fatima, Lourdes e Medjugorje… existe uma ligação ?

Uma vez somente Nossa Senhora disse: “Aquilo que comecei em Fátima, Eu terminarei em Medjugorje”. De outros lugares ainda não falou. Apenas de Fátima.

Em Fátima Ela falou da conversão da Rússia, e que as aparições começaram antes da queda do muro de Berlim. Mas depois começou a desagregação da Iugoslávia… Na sua opinião, está cancelado o perigo da guerra que Medjugorje seria afetada ? É verdade que carros armados atravessaram ameaçando a cidade ?

O perigo da guerra foi finalmente afastado, e não somente aqui em Medjugorje. Sobre os militares, você deve saber que Medjugorje é um nome que atrai a curiosidade e se alguém não sabe o que faz antes ou depois deseja vir aqui:: mesmo com carros armados. A provocação está ai, devemos tê-la em conta. Mas prefiro enfatizar que muitos soldados da ONU que vieram aqui somente para rezar. E conheço também um grupo de soldados italianos que assim que podem sobem a colina das aparições e no Krizevacc e participam da Missa em italiano.

O que gostaria de dizer aos “inimigos”, aos adversários de Medjugorje ?

Eu acolho e saúdo sempre todos; estou sempre aqui para responder àquele que deseja encontrar-me. Para mim não existe diferença entre aquele que crê e aquele que não crê em Medjugorje. Antes digo que rezamos muito mais pelos que não creem do que por aqueles que acreditam. Acredito que Nossa Senhora ama a todos sem distinção, assim também eu faço o mesmo. E se você quiser, rezemos hoje juntos para que a Rainha da Paz reúna e abençoe a todos com o Seu Amor e com a Sua Graça.

Também o Bispo ? Não está preocupada com a desconfiança que ele demonstra durante os seus encontros ?

Com toda a verdade eu quero bem ao nosso bispo e rezo por ele… E acredite, nunca estive preocupada: Maria está muito tranquila sobre este ponto, porque eu não deveria estar também ?

Traduzido do italiano por Gabriel Paulino – fundador do Portal Medjugorje Brasil – http://www.medjugorjebrasil.com.br

Matéria original: http://medjugorje.altervista.org/doc/vicka//15-anchelacroceegioia.php

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *