VATICANO: Um enviado especial é sinal da atenção do Santo Padre aos peregrinos

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

andreatornielli
Andrea Tornielli do Vatican Insider com Papa Francisco no Vaticano.

Um enviado do Papa até Medjugorje por exigência dos fiéis

Papa Francisco nomeia o Bispo Polonês Hoser: nenhuma nova investigação das aparições, mas será encarregado de sugerir “iniciativas pastorais para o futuro”

Publicada em 11/02/2017

vaticaninsider

ANDREA TORNIELLI – DIRETO DA CIDADE DO VATICANO

O Papa nomeia um seu “enviado especial” para Medjugorje. Mas não para fazer um suplemento de investigação sobre as aparições marianas que começaram em 1981 e até agora não pararam, como hipótese de alguns antecipadamente. O centro da preocupação de Francisco é o grande número de peregrinos que visitam a paróquia e o local das primeiras aparições no pequeno país da Herzegóvina que tornou-se um centro mariano entre os mais frequentados do mundo.

“Na data de 11 de fevereiro de 2017 o Santo Padre – lê-se no comunicado da Secretaria de Estado Vaticana – encarregou” monsenhor Henryk Hoser, arcebispo-bispo de Varsóvia-Praga (Polônia), “de encarregar-se de Medjugorje como enviado especial da Santa Sé.”

Logo depois a nota esclarece o motivo da nomeação e esclarece os objetivos e contrariando aqueles que acreditavam que Bergoglio quisesse novas investigações depois das investigações completadas ao longo de cinco anos e concluídas em 2015 pela comissão de bispos e peritos coordenados pelo Cardeal Camillo Ruini,

“A missão – se lê ainda no comunicado – tem o propósito de adquirir mais aprofundamento no conhecimento da situação pastoral daquela realidade e, sobretudo, das exigências dos fiéis que vão em peregrinação e, baseados nisso, sugerir eventuais iniciativas pastorais para o futuro. Terá, portanto, um caráter exclusivamente pastoral”. Deve-se enfatizar a expressão “exclusivamente pastoral”, que explica bem a finalidade do encargo de Monsenhor Hoser, o qual não deverá ser o 007 da congregação para a doutrina da fé, mas deverá entrar no mérito dos problemas pastorais que há anos existem em Medjugorje.

Não é um mistério que uma divergência contrapõe os franciscanos ao clero secular e ao bispo da diocese competente, que é da cidade de Mostar. O bispo anterior, Pavao Zanic assim como o atual Ratko Peric, são profundamente contrários às aparições. Uma das conclusões que chegou a Comissão liderada pelo Cardeal Ruini tinha respeito exatamente dos problemas pastorais. Entre as propostas apresentadas estava aquela de transformar a paróquia de Medjugorje em santuário diretamente dependente da Santa Sé. Uma outra possibilidade era ao contrário, desmembrar o território de Medjugorje da diocese de Mostar para reestabelecer uma antiga diocese existente.

camilloruini
A Comissão Vaticana liderada pelo Cardeal Camillo Ruini era favorável ao fenômeno de Medjugorje e apresentou um parecer positivo em seu relatório final entregue em 2014.

Com a nomeação de hoje se confirma a atitude de Papa Francesco em relação a estes fenômenos. Embora ele tenha repetidamente advertido contra a mórbida atenção para as “mensagens” e os “segredos” atribuídas a Nossa Senhora, que em alguns casos, acaba desviando alguns dos fiéis do coração da mensagem evangélica, Bergoglio mostra grande respeito pelo que se passa nesses lugares. E no caso de Medjugorje, milhões de pessoas vão em peregrinação e retornam, participando de intensas experiências espirituais e em muitos casos descobrindo a fé ou recuperando a sua fé perdida.

Quanto ao fenômeno e a sua origem, a Comissão Ruini concluiu sugerindo uma sentença favorável para reconhecer a natureza sobrenatural das primeiras aparições de Nossa Senhora, suspendendo o julgamento sobre tudo o que veio depois. Como é sabido, de acordo com o relato dos videntes – os meninos se tornam adultos, entretanto – Nossa Senhora depois de aparecer na colina ao lado da aldeia e, em seguida, na igreja paroquial, continuaria a aparecer para eles em horários ou dias predeterminados onde quer que estejam.

As conclusões da Comissão Ruini, que analisou uma quantidade enorme de documentos, analisou todas as mensagens, ouviu todas as testemunhas e outra vez os próprios videntes, foi entregue a Francisco em 2014. Desde então, o arquivo está com a Congregação para a doutrina da fé. O próprio Papa Francisco, no voo de regresso a partir de Sarajevo, disse a repórteres que Ruini tinha feito “um bom trabalho”, anunciando uma discussão iminente do caso do ex-Santo Ofício. Mas, desde então, não houve nenhuma novidade.

GREGGBURKE
Diretor da Sala de Imprensa Vaticana Gregg Burke com Papa Francisco.

O diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé Greg Burke sublinhou que “a missão do enviado especial é um sinal de atenção do Santo Padre para os peregrinos. O objetivo não é inquisitorial, mas estritamente pastoral. O enviado não vai entrar na questão das aparições de Nossa Senhora, que são da responsabilidade da Congregação para a Doutrina da Fé, e estará em contato com o bispo diocesano, o franciscano Frades Menores – a quem é confiada a paróquia de Medjugorje – e os fiéis do lugar. ” Ele então concluiu: “É uma missão para os peregrinos, não é contra ninguém.”

O sinal da nomeação do Bispo polonês indica portanto qual é a prioridade do Pontífice: as exigências dos peregrinos, do cuidado pastoral com eles. O Bispo Hoser, conclui a nota Vaticana: “continuará a exercer o ofício de Arcebispo-Bispo de Varsóvia-Praga” e é previsto que “cumpra o seu mandato até o próximo verão”.

Matéria original: http://www.lastampa.it/2017/02/11/vaticaninsider/ita/vaticano/medjugorje-un-inviato-del-papa-per-le-esigenze-dei-fedeli-bAQjo5BXja873cTvdI5xeN/pagina.html

1 comentário


  1. É sabido que em meus livros, mas por experiência no local (nós somos responsáveis pelo que afirmamos)Medjugorje e frei, doutor Slavko Barbaric são o “rosto” do mundo e para o mundo. Papa Francisco, pessoa que muito admiro, cujos pensamentos já tenho registado em meus livros, sabe perfeitamente e, em seguimento a João Paulo II, o que ali se passa há 35 anos e meio. Para bem da
    humanidade.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *